Welcome to Rotorua!!!

Antes de mais nada, antes mesmo de ir para Rotorua é importante entender sua história, como surgiu a cidade e por que ela é tão conhecida por sua atividade geotermal.

Rotorua era antigamente um vulcão. Sim um vulcão ativo, na sua última erupção a quantidade de detritos que foram expelidos do vulcão foi tão grande que fez com que a cratera desmoronasse e criasse um lago: O Lago Rotorua.

E o seu entorno todo e portanto a base do vulcão fosse sendo cada vez mais ocupado transformando-se em uma cidade. Uma cidade cujo magma terrestre está a apenas 40km de distância. Como se não bastasse a cidade está situada bem no meio entre duas placas tectônicas. Tudo isso faz com que essa cidade seja única.

As atividades vulcânicas estão presentes pela cidade inteira (assim como o cheiro de enxofre, a.k.a. “ovo pobre” que exala pela cidade toda). Durante uma caminhada tranquila pelo centro da cidade é possível encontrar várias fumarolas, bem como lamas borbulhantes. É incrível!

Fumarolas por toda parte da cidade

A presença geotermal é tão forte que na cidade e em todo o seu redor é possível visitar e ver de perto a força vulcânica. São inúmeras atrações geotermais como geisers, fomarolas, lagos azuis de sílica, lama borbulhante, piscinas de água quente e etc.

Inclusive durante muito tempo as águas termais de Rotorua eram usadas como medicinais, aliás ainda é; no Polynesian Spa é possível se banhar nessas águas quentes e sulforosas que dizem ser medicinais, porém em 1908 foi construído um prédio lindo onde foi inaugurado o Great Spa, onde tinham vários tratamentos usando essas águas sulforosas e as lamas borbulhantes.

Tratamentos com as águas sulforosas em 1908

Infelizmente esse Spa não existe mais isso por que a manutenção do lugar ficou inviável já que as águas sulforosas corroiam toda a tubulação. Porém o prédio ainda existe e é um ótimo lugar para se visitar e conhecer todo esse lado histórico da cidade: é o Rotorua Museum of Art and History.

Rotorua Museum, antigo Spa

Além de todo esse histórico termal, Rotorua é a cidade com maior influência Maori (primeiros habitantes da Nova Zelândia).

Por muito tempo os Maoris foram perseguidos e até houve uma tentativa de eliminar a influência de sua cultura no país. Porém, atualmente eles estão mudando essa visão. Nas escolas as crianças tem muito contato com crianças Maoris (pelo menos uma vez por semana onde aprendem o básico da língua), a TV Maori está presente também e há também, principalmente em Rotorua, diversos locais onde se pode visitar uma vila Maori e ter um contato, por menor que seja, com um pouco da cultura deles.

Influência Maori por todos os lugares

É bem interessante e vale a visita.

Durante os próximos posts vou descrevendo as atrações que existem mais detalhadamente. Aguardem as cenas dos próximos capítulos:

• As áreas geotermais

Os outros atrativos da cidade

Bate e volta de Rotorua:

Taupo

Cavernas de Waitomo

Anúncios