Segue uma relação de vistos dos países que estão nesse blog para te ajudar na hora de planejar a sua viagem.

É importante dizer que os vistos aqui descritos são para viagens de turismo usando passaporte brasileiro e com permanência máxima no país por 30 dias; para os demais vistos ou permanência prolongada é importante procurar mais informações.

Apesar de ser uma ajuda ao seu início de planejamento de viagem é importante sempre checar as regras no momento que decidiu o país das suas férias, pois esses parâmetros podem mudar sem aviso prévio.

América do Sul

Argentina – participa do Mercosul portanto apenas carteira de identidade oficial é suficiente para entrar no país. É importante frisar que a carteira de identidade deve ser o oficial, nada de carteira de motorista ou carteira de identidade de associações trabalhistas e etc. Ou então passaporte válido.

 Chile – participa do Mercosul portanto apenas carteira de identidade oficial é suficiente para entrar no país. É importante frisar que a carteira de identidade deve ser o oficial, nada de carteira de motorista ou carteira de identidade de associações trabalhistas e etc. Ou então passaporte válido.

Uruguai – participa do Mercosul portanto apenas carteira de identidade oficial é suficiente para entrar no país. É importante frisar que a carteira de identidade deve ser o oficial, nada de carteira de motorista ou carteira de identidade de associações trabalhistas e etc. Ou então passaporte válido.

Ásia

China – Necessita de visto. O visto é válido por apenas 90 dias depois de sua emissão, geralmente é válido para apenas uma entrada no país e sua permanência dentro da China é de 30 dias. O processo é longo e portanto é necessário começá-lo com certa antecedência. A sua agência de turismo pode te ajudar a tirar o visto. Não esqueça de levar a sua carteira internacional de vacinação contra a febre amarela. O valor é de R$ 460,00 (cotação de 16/09/09).

Japão – Necessita de visto. O processo é tão chato quanto o chinês (R$ 257,00, cotação 16/09/09). É preciso da passagem ida e volta, foto, relacão das cidades e dos hóteis a serem visitadas, prints das reservas, imposto de renda, extrato de banco, comprovação de trabalho e etc. Não é preciso ir pessoalmente, sua agente de viagem pode ajudar. E não esqueça de aproveitar e pedir ajuda na compra do JR Pass. Não esqueça de levar a sua carteira internacional de vacinação contra a febre amarela.

 Tailândia – Não precisa de visto para permanências de até 90 dias. Entretanto ter a carteira de vacinação contra febre amarela é imprescindível. Ao descer do avião não adianta ir direto para imigração, no caminho ao lado esquerdo existirá uma cabine de Health Control, pare por ali preencha o formulário e entregue junto com o passaporte, carteira de vacinação e o cartão de entrada no país; o oficial verificará e carimbará o cartão de entrada. Somente após esse procedimento vá até a imigração. Fizemos tudo isso e economizamos muito tempo, por que todos que não tinham esse carimbo tiveram que voltar até o Health Control e depois entrar na fila de imigração novamente. Não perca tempo!

Caribe

 BahamasBrasileiros precisam de vistos apenas para permanência acima de 15 dias no país. Porém é essencial ter em mãos a passagem de volta e reserva dos hotéis. Eles pedem mesmo!!! Não esqueça: a maior porta de entrada para Bahamas ainda são os Estados Unidos, se utilizar esse hubby não esqueça do visto americano. Se for pelo Panamá (como nós) não é necessário nenhum visto.

Barbados – Não necessita de visto para visitas de até 30 dias a turismo. Entretanto fomos em 03/2011 e a carteira de vacinação internacional da febre amarela foi solicitada tanto no check in em Guarulhos pelo funcionário da Gol, como na imigração lá em Barbados este foi o primeiro documento a ser solicitado, portanto mantenha sua vacina atualizada.

Europa

Alemanha – Não precisa de visto até 90 dias de permanência; apenas passaporte válido com no mínimo 6 meses.

França – Não precisa de visto até 90 dias de permanência; apenas passaporte válido com no mínimo 6 meses.

Itália – Não precisa de visto até 90 dias de permanência; apenas passaporte válido com no mínimo 6 meses.

República Tcheca – Não precisa de visto até 90 dias de permanência; apenas passaporte válido com no mínimo 6 meses.

Ilhas do Pacífico

Ilhas FijiNão precisa de visto até 90 dias de permanência; apenas passaporte válido com no mínimo 6 meses. Necessário carteira internacional de vacinação contra febre amarela.

Oceania

Nova Zelândia – Não precisa de visto até 90 dias de permanência; apenas passaporte válido com no mínimo 6 meses. Não esqueça da sua carteira de vacinação contra febre marela.

OBS: Além de passaporte e vistos, em todas as viagens é muito importante ter em mãos toda a documentação sobre a sua viagem como relação de hóteis que vai ficar (com endereço e telefone), passagem de volta, cartão de crédito internacional, aluguel de carro e todo o roteiro de cidades que você irá visitar e ter em mãos o valor em dinheiro que você está levando pois você pode ser questionado na alfândega.

Anúncios