Em Montevideo é muito fácil de ir do ponto A ao ponto B sem gastar muito. Tudo depende de onde você está e para onde quer ir.

Vamos partir do começo:

  • Chegada ao Aeroporto: 

           Ao chegar do aeroporto você vai perceber que não tem taxi algum por perto. No aeroporto existe apenas os taxis executivos que utilizam tarifas bem mais caras do que a tarifa normal (pelo menos o dobro). Os taxis normais você conseguirá apenas se tiver sorte de um deles estarem deixando algum passageiro ou então você pode ligar no número 141 e pedir um taxi. E sim gente com o nosso celular brasileiro, se habilitado para uso internacional, consegue ligar sim. A média da corrida de taxi do aeroporto até o hotel Ibis fica em torno de 500 pesos uruguaios ou R$ 50,00*.

* Cotação do mês de junho.


  • Circulando por Montevideo:

        Em Montevideo os taxis (amarelo e preto)  são relativamente baratos, com motoristas simpáticos e a maioria fala português praticamente fluente. São muito cordiais mesmo, quando fomos ao estádio do Centenário estava fechado para visitação; o taxista parou conversou com o funcionário desligou o taximetro e disse que podiamos entrar que ele nos esperaria… sim gente.. ele DESLIGOU o taximetro. 

          Dependendo da distância você pode tranquilamente andar a pé. Na verdade gostei bastante de andar a pé; é tranquilo, seguro e muito gostoso. Andar pelas Ramblas (beira do rio da prata) principalmente no por do sol é algo divino e inesquecível. Ali no centro histórico, na região principal, são curtas as distâncias e tranquilo para andar a pé. Apenas lugares mais distantes como Parque Rodó, Punta Carretas, Estádio Centenário é necessário um outro meio de transporte.

        Na verdade, apesar de barato, os taxis em Montevideo, além de velhos não são nada confortáveis. O banco traseiro é bem apertado e completamente separado do motorista por uma divisória de madeira e vidro.  Entretanto o lado positivo é que todos os preços são tabelados. Então você entra no taxi e já vê uma tabelinha que você depois pode verificar se o motorista está cobrando certinho. E TODOS os taxistas que pegamos logo em que entramos já ligou o taximetro, então nada daquela coisa (que acontece muito por aqui) de você entrar e o cara cobrar o que quer.

 

  • Circulando pelas demais cidades:

             Nós fomos apenas para Colônia Del Sacramento. Para se deslocar até lá alugamos um carro (cerca de U$ 50,00 a diária), a locadora leva o carro até o hotel, mas atenção se for domingo você terá que ir até o aeroporto pegar o carro. A estrada é bem boa, fácil de chegar até lá basta contornar as ramblas e  seguir sempre reto e finalmente chegará lá. Em Colônia não é nem um pouco necessário andar de carro… tudo é perto de tudo e é uma delícia andar a pé.

          Outra opção é  ir de Montevideo para Colônia de ónibus. Não é tão caro cerca de U$ 18,00 a passagem, pelo que eu sei o ônibus não é muito confortável mas dependendo da sua disponibilidade (de tempo e dinheiro) pode ser uma boa opção.

Colônia Del Sacramento


Anúncios